Reine e Hamnoy. Finalmente chegamos à ponta da nossa jornada nas Ilhas Lofoten. É aqui, nessas pequeníssimas ilhas, que as paisagens mais icônicas do inverno da Noruega se mostram mais belas. E nós, apesar de enfrentar um clima bastante fechado no início, demos bastante sorte, pegando as paisagens com aquela cobertura especial de açúcar da neve fresca em Reine.

IMG_9581-Pano-Edit-Editar.jpg
IMG_9690-Editar-Editar-2-Edit.jpg

No dia seguinte, voltaríamos novamente. A paisagem foi incrível, mas merecia um bis. Já estávamos bem tranquilos, com as imagens boas, mas na fotografia de paisagens sempre há espaço para um dia melhor adiante.

A neve começou a cair com força. Era um momento crucial decidir se encarariamos uma hora de estrada para ir, e depois para voltar, para fazer as mesmas imagens de ontem. Adivinha o que fizemos? Para completar ainda poderiamos voltar na famosa Reine, na pontinha do arquipélago, e ainda não tínhamos na nossa coleção a foto da casinha amarela de Sakrisoy. Câmeras a posto, e partimos para completar a nossa caçada.

IMG_9613-Edit-Edit.jpg
IMG_9697-Editar.jpg

Sensacional. Foi uma lição para mim. Nunca deixe a preguiça, ou o clima ruim falar mais alto. Eu estava comemorando que as melhores imagens saíram exatamente naquele dia de nevasca, e uma das horas douradas mais belas aconteceram ali. Fotografia de paisagens é igual a pescar: você pode não saber o que vai pegar, mas sabe que só vai pegar se estiver do lado de fora.

IMG_1504-Pano-Edit.jpg

É isso galera. Nossa série termina por aqui. Espero que tenham gostado, e não esqueçam de conferir o roteiro no nosso blog. O link está aqui na descrição. Se curtiram, deixa um joinha e compartilha com aquele amigo viajado que você tem na sua lista! Abraços e até mais!

 

 

 

Comment